Mesmo acordado, tenha um sorriso de sonho!

Mesmo acordado, tenha um sorriso de sonho!

Lembra-se de quando era jovem e tinha aquele sorriso incrível e que era invejado por todos? Nessa altura, podia comer tudo o que quisesse, até os alimentos mais duros! Era um verdadeiro sorriso de sonho!

Infelizmente, tal como acontece com todas as partes do nosso corpo, à medida que envelhecemos, os dentes vão ficando desgastados. É algo inevitável, por causa da sua utilização diária – e que é essencial à nossa sobrevivência –, mas a degradação da nossa dentição deve-se ao facto de não tomarmos os devidos cuidados com os dentes nem fazermos uma manutenção correta!

Tudo na vida dá trabalho. Sem esforço, não alcançamos os objetivos a que nos propomos. Seja acabar um curso, conseguir evoluir na carreira, perder peso ou juntar dinheiro para comprar uma casa, tudo requer empenho e foco! Este esforço também é válido quando falamos do nosso sorriso de sonho, porque nada é garantido.

Os erros que cometemos com o nosso sorriso de sonho

Quando somos novos e temos um porte atlético, achamos que vamos ser assim para sempre. Mas o tempo encarrega-se de nos mostrar que as coisas não funcionam exatamente dessa forma. O peso da idade reflete-se no nosso corpo, assim como nos nossos dentes. E, como não podemos parar o tempo, temos de tomar precauções.

A normal utilização da dentição, essencialmente para comer, faz com que se dê um desgaste natural. Mas depois também lhe damos um uso impróprio, como abrir pacotes de plástico ou segurar coisas pesadas. Não é para este tipo de ações que os dentes existem, mas por vezes acabamos por nos aproveitar da sua força e exageramos. Porque não conseguimos abrir uma embalagem com as mãos ou porque precisamos das mãos livres e “seguramos” em alguma coisa com os dentes por alguns instantes. Tudo isto degrada os dentes, mas como nem sempre o impacto é automático, acabamos por nos despreocupar.

Há ainda os tradicionais descuidos com a higiene oral, sobre os quais não nos cansamos de o alertar. Uma rotina diária de higiene oral permite-nos, acima de tudo, prevenir o aparecimento de doenças na cavidade oral ou problemas que se podem tornar incómodos. Alguns deles, com os quais já deve estar familiarizado, são:

  • Cáries – são as eternas inimigas dos dentes. Consumir alimentos e bebidas açucaradas e não fazer uma correta higienização dos dentes provocam o seu aparecimento. Se as cáries se desenvolverem muito, só com a intervenção do seu médico dentista conseguirá livrar-se deste problema;
  • Halitose – visualmente, não é o que o impedirá de ter um sorriso de sonho, mas o mau hálito destrói qualquer imagem. Por isso, esteja atento também a este problema;
  • Gengivite e periodontite – a gengivite é uma infeção nas gengivas. A periodontite é uma evolução da gengivite, em que a infeção passa para o osso ao redor dos dentes. Mais uma vez, a prevenção através de higienização é a melhor solução;
  • Infeções dentárias – normalmente, manifestam-se na forma de abscesso, seja gengival, periodontal ou periapical (na polpa do dente). Provocam dores, febre, mau hálito, inchaço e, por vezes, pus. O descuido dos hábitos de higiene podem levar a este tipo de infeções, por isso, tenha cuidado;
  • Dentes amarelos – beber café e fumar são o tipo de hábitos que podem escurecer os dentes, mas tudo isto se agrava se não fizer uma escovagem regular e correta;
  • Erosão dentária – o consumo de alimentos muito ácidos faz com que o esmalte dos dentes se desgaste mais depressa, enfraquecendo-os e aumentando a sensibilidade. Equilibrar o consumo deste tipo de alimentos é fundamental para preservar a camada exterior dos dentes;
  • Perda dentária – quer caiam naturalmente ou através de uma extração dentária, por estarem em mau estado, a falta de dentes nunca é elegante e muito menos desejada, para além de prejudicar os dentes adjacentes. A melhor solução para resolver este problema é a colocação de implantes dentários.

Estes são alguns dos problemas mais comuns e que, claramente, impedem que tenha um sorriso de sonho! Para além das complicações de saúde associadas a estes problemas, todos eles têm um impacto muito negativo na sua imagem, o que também acaba por afetar a sua autoestima, a forma como interage com as outras pessoas, as oportunidades profissionais que tem (ou não!), entre outros constrangimentos que influenciam a sua essência de forma negativa!

Como ter um sorriso de sonho

Ter um sorriso de sonho pode parecer uma coisa muito complicada, mas não é! É certo que implica que cumpra todos os compromissos que defina, mas isso não tem de ser difícil. Alguns comportamentos acabam por se tornar parte da sua rotina, e isso facilita, porque acaba por fazer tudo automaticamente, quase sem pensar.

Mas, afinal, o que é preciso fazer para conseguir o tal sorriso de sonho? Comecemos pelo mais simples:

  • Visitas regulares ao dentista – o termo “regular” pode induzir em erro. Não precisa de ir todas as semanas nem todos os meses. A frequência aconselhada para as visitas ao dentista é de 6 em 6 meses ou, quando o seu dentista achar que é suficiente, anualmente. Não é um período de tempo assim tão curto que vá alterar constantemente a sua agenda e, acima de tudo, é preciso ter consciência de que, nessa visita, o seu dentista fará uma limpeza, na qual será retirado o tártaro que se acumula nos dentes e que não se consegue eliminar com a escovagem. Também poderá ser aplicado flúor e, caso haja algum problema impercetível aos seus olhos, o dentista conseguirá detetá-lo, alertando-o e sugerindo o procedimento mais indicado;
  • Boa higiene oral – a escovagem devem ser feita após cada refeição ou, se possível, 3 vezes ao dia. Quanto ao fio dentário, também o deve passar depois das refeições ou, pelo menos, depois do jantar. Por fim, aconselha-se bochechar elixir, depois da escovagem e fio dentário;
  • Optar pela água – beber água traz muitos benefícios para o organismo, e ajudar a manter os dentes saudáveis é um deles. Limpa a placa bacteriana ao mesmo tempo que mantém o seu corpo hidratado. Para além disso, não apresenta desvantagens como os refrigerantes, que têm açúcar e são prejudiciais para os seus dentes;
  • Alimentação adequada – alguns alimentos são particularmente benéficos para os nossos dentes e para termos uma boa saúde oral. São exemplo disso:
    • Pepino – estimula a produção de saliva;
    • Leite – é fonte de cálcio, proteínas e fósforo;
    • Queijo – tem muitas das qualidades do leite, por ser seu derivado, e a sua gordura ainda tem proteínas que fortalecem o esmalte;
    • Fibras – os alimentos fibrosos, como a aveia, a granola, as ameixas, os figos e os pêssegos evitam a formação de placa bacteriana, limpando os dentes;
    • Vitamina C – citrinos, abacaxi, morangos, tomates, couves, cenouras e ervilhas são ricos nesta vitamina que tornam as gengivas fortes e saudáveis;
    • Vitamina D – está presente em peixes como a sardinha, o salmão e o atum. Tal como o sol, ajudam a aumentar a absorção de cálcio por parte dos dentes e ossos.
  • Colocação de implantes dentários – caso se encontre numa fase em que o seu sorriso de sonho já não seja alcançável através de medidas de prevenção, não deixe de ter esses cuidados, mas pondere a colocação de implantes dentários. Para preencher espaços de dentes que já tenha em falta ou para substituir aqueles que ainda tem, mas que precisam de se extraídos, esta é a solução perfeita para recuperar a dentição e ter um sorriso de sonho!

A ausência de dentes é muito prejudicial para a saúde a vários níveis. Por isso, para além de um sorriso de sonho, há muitas outras coisas que deve ter em consideração quando pensar em colocar implantes dentários, porque as vantagens vão muito para além da estética!

De qualquer forma, esta é uma das grandes motivações para tomar esta decisão e é muito importante que saiba que está ao seu alcance! Por isso, se estiver a considerar dar este passo na sua vida, entre em contacto connosco e marque uma consulta de avaliação oral sem custos!


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *